Follow by Email

domingo, 27 de fevereiro de 2011

Vegetariana/vegana, porque?

        Muitos me  fazem essa pergunta e insistem.  Sou vegetariana, ainda. Poderia ser vegana e deixar de comer queijo, beber leite etc. Se bem que leite eu não tomo há 1 mês. Mas estou caminhando para dias melhores.
Voltando. Por volta de 2005. Estava assistindo na TV um programa desses, à tarde, de domingo, que fala sobre animais, mais especificamente cães e gatos.
Eu sempre gostei muito de animais, mas devido ao meu trabalho, eu tinha mais contato com cães e gatos.
Num domingo estava assistindo à TV, por pura falta do que fazer, e passou nestes programas sobre animais, a caça e venda de peles de animais para casacos de pele. E fiquei chocada e paralizada com a reportagem que mostrava a retirada de pele dos animais ainda vivo, inteira e ainda o caçador batia no focinho dele quando protestava de dor. Triste não? Para mim foi como se meu corpo tivesse pegado fogo! Fiquei horrorizada e a partir daí, parei de achar que a carne vem na bandeja de isopor, e que os animais estão ai para eu fazer o que quiser com eles.
Então agora tenho uma visão mais ampliada do que são os maus tratos a animais ou utilização desses seres que para mim, são irmãos de jornada nesta vida. E a utilização dos animais em qualquer situação, seja em laboratórios, para roupas, diversão, competição, calçados e comida etc.
Não podemos ser protetores completos de animais, se tivermos uma visão especista ou antropocêntrica sobre esta luta que, a meu ver, está só começando. Dizer que gosta de animais e comer carne, gostar de bancos de couro, você está dizendo que gosta de cãezinhos ou gatinhos somente e às vezes somente os seus..
E para quem não conhece, esta ai em cima é uma foto do arminho, o animal que mencionei e me emocionei. Não é lindo? Foto da internet.
Graças aos Deuses caiu o véu que cobria meus olhos.

3 comentários:

Maluxa disse...

Oi Elaine,
Gostei muito desse post...a mim aconteceu mais ou menos assim tambem, em Março de 2007...
Infelizmente, por dificuldades económicas(por estar desempregada)e assim tive de voltar a comer ovos e a beber leite, pois fica mais barato... Enfim, aos poucos e logo que a situação melhor, o objectivo é chegar a Vegana!!!
Um livro que ando a ler, de Peter Singer, LIBERTAÇÃO ANIMAL, tb me ajudou a ver as coisas com outros olhos, mas aquela reportagem que li em Março/2007 sobre como são tratadas as galinhas e afins, para nossa alimentação, mudou-me para sempre!!
Parabéns Elaine
Beijinhux, Milu

Cristina Bortoli disse...

Recebi um vídeo desses há um tempo atrás, mas não consegui assistir todo. Senti revolta, nojo, vergonha, pena... um turbilhão de sentimentos ruins, por fazer parte de uma raça que é capaz de atrocidades. Mas minha decisão de não comer mais carnes veio um bom tempo depois, quando percebi que tinha, sim, perseverança e força de vontade para cortar esse tipo de alimento, definitivamente. A cada vídeo que vejo sobre abate, crueldade, matanças, rodeios, etc, fortaleço-me neste caminho. Pena que outras pessoas não se conscientizem de uma vez por todas.

Elaine disse...

Oi Maluxa,

O que importa sempre, é a intensão, a meu ver. Quando passamos por dificuldades é para nosso crescimento sempre.

Oi Cristina

Hoje quase não assisto mais esses videos pois fico muito mal, mas de vez em quando aparecem iguais aquele que te mandei recentemente, e ai pega fundo.
Beijos as duas.