Follow by Email

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Blogagem Coletiva - Juventude - aprendendo a viver como adulta

Publicarparapartilhar.blogspot.com
E essa época é tão linda!


Minha juventude que foi há um tempinho, do final dos anos 70 (1979-1991) 18-30 anos. Foi um época que tudo aconteceu em minha vida:
Consegui um emprego que remunerava relativamente bem, foi o orgulho de minha mãe e sua salvação muitas vezes;
Conheci meu marido e pai do meu único filho. Nos conhecemos no trabalho, eu tinha 20 anos.
Eu estudava, fazia curso profissionalizante e trabalhava.
Era solteira, mas não podia sair muito. Ou eu estava cansada, pois trabalhava mais de 8hs por dia, ou não tinha dinheiro para sair. Ou não gostava mesmo, quem sabe?
O que me lembro bem era que eu flertava bastante, tinha muitas amizades, masculinas, principalmente. Era uma época (início até o meio dos anos 80), onde eu me preocupava com meu corpo, com minhas roupas e tirar um diploma. Procurava a estabilidade no trabalho e financeiramente. Se vocês se lembrarem era a época dos workaholics.
Passeava e viajava, saia para bares e restaurantes junto com as pessoas do trabalho. O trabalho era tudo pra mim: diversão, onde eu me sustentava, como eu me colocava perante o sexo oposto, onde eu me instruia e aprendia de tudo.
Também era fumante, fumava muito, me exercitava muito também. Com relação a comida, sequer me importava o que colocava na boca. Ouvia muito o grupo Men at Work, The Smiths, Rock brasileiro (Titãs, Biquini Cavadão, Capital Inicial, Engenheiros do Hawai, Blitz, etc) muito cinema, teatro e a cultura foi apresentada a este ser que vos escreve e eu ....gostei. Diria...amei.
Um dia estava à toa sem o que fazer de sábado (coisa rara) quando minha irmã disse: vou até a faculdade fazer inscrição para o Vestibular, quer me acompanhar? Eu disse: claro, qual matéria você quer prestar o vestibular? E ela (bem no meio dos anos 80 para 90) Educação Fisica. Ai pensei: nossa não tenho nada pra fazer acho que vou me inscrever também. E foi assim. acabei fazendo o curso, minha irmã não passou no vestibular e mais tarde, optou por pedagogia e hoje trabalha com crianças especiais. Não é louco esse mundo? Louco e maravilhoso.
Acabei a faculdade com 27 anos. Casei-me com 26. Planejei todo o meu casamento em cada detalhe, com o pouco dinheiro que tinha. O vestido era o dos meus sonhos. Modelo baseado na Escritora Colette, super romântico. Na época eu fazia terapia comportamental e amei também. Cresci muito com isso, fiz grandes amizades, aprendi a respeitar o tempo das outras pessoas. A tentar ser uma pessoa melhor a cada instante. Descobri que gosto de ler muito, de ser atraente pelo que falo e penso. Aos 29 anos, nasceu meu filho, tão esperado, programado, querido. Ter aquele barrigão, conseguir amamentar e ter meu emprego e marido, na época, não poderia ser mais legal do que foi.






Foto: Lar Encantado


P.S. O que mais amo na Blogagem Coletiva Fases da Vida (veja em publicarparapartilhar), é que posso fazer uma sintese de minha vida, e ao ler, repenso quem sou hoje. E quando uma jovem lê, pode aproveitar e se divertir, sonhar, como eu fiz. Ou seja, posso passar um pouquinho de mim a alguém. Porisso, aconselho a ler todas as postagens dos blogs que fazem parte dessa ideia maravilhosa que a Rute compartilha com todos.







Soproni Frankos - vinho húgaro - Lar Encantado
E, depois de tudo, vamos tomar um vinho? Adorei este vinho húgaro que meu marido ganhou em seu aniversário. Demi sec, e muito bom. Saúde!

13 comentários:

orvalho do ceu disse...

Olá, querida Elaine
Fiquei estarrecida vendo tanta curtição com a época da sua juventude e, ao mesmo tempo, uma intensa vontade de viver e aproveitar tudo o que a vida lhe outorgava... Muito bom!!!
Posso avaliar, após ler o seu post, que viveu efusivamente cada momento e até hoje colhe o bom gosto de uma boa taça de vinho como aos frutos do seu empenho naquela fase vivida e bem para vc, pelo visto!!!
Ótimo!!!
A foto do seu casamento está divina!!!


"O verde só vinga com o Orvalho de Hermon, nas Montanhas do Sião".

Que o seu dia a dia seja amortecido pela força da juventude que habita em vc!!!
Bjs juvenis e de paz

Gina disse...

Elaine,
É o que acontece com todos. Fazer esse passeio pelas fases nos traz de volta os momentos vividos.
Tenho optado por focar apenas um aspecto de cada fase, mas percebo que algumas pessoas fazem uma síntese de tudo.
É engraçado rever o rumo que nossa vida profissional tomou. Formei-me numa área e acabei trabalhando em outra até aposentar.
"Tentar ser uma pessoa melhor a cada instante". Esse deveria ser nosso lema.
Você realizou muita coisa boa nesse período!
Bjs.

" ESSÊNCIA ESTELAR MAYA " disse...

Elaine querida,

Depois de viajar por sua história, tive uma grande certeza: da pessoa "deliciosa" que você é.
Aproveitou muito sua juventude, com passeios, amizades, flertes, etc...tudo que deixa lembranças Maravilhosas para reviver de forma tão leve e natural como você fez.
Adoooorei te conhecer mais um pouquinho e da juventude tão rica que você teve.

Um grande beijo em seu coração!!!

Bel Rech disse...

Que delicia de história e esse vinho parece ser tudo de bom, amo vinho...
Paz e bem!

Elaine Figueira disse...

Obrigada pelos comentários, pela visita, carinho. Como sempre, fico muito feliz em participar.

Abraços a todos,

Elaine

Denise disse...

Interessante como as coisas acontecem em nossas vidas, sua irmã q tinha como meta entrar na faculdade, não conseguiu e vc q foi por impulso, o fez. O estudo é uma ótima coisa e o ambiente universitário nos enriquece muito, nos mostra um outro lado da vida. Bem legal sua história. Muita paz!

Ricardo disse...

Olá Elaine! Nada melhor do que o espetáculo do vida, não é?
Abraços.

Zilda Santiago disse...

Excelente e dez para o PS...Amo me ver nas postagens,com tantas lembranças boas.Sigo-a e deixo um beijo.

remall disse...

gostei da idéia.
quem sabe vou me aventurar

Virginia Jesus Fassarella disse...

Elaine, obrigada pela visita. Bela juventude a sua. Parabéns. Me hospedei por aqui. Beijos.

RUTE disse...

Minha tão querida Elaine,

antes de mais, obrigada por "amar" tanto esta blogagem quanto nós na organização. Faço minhas, suas palavras e assino por baixo do mini-texto vermelhinho.

Agora que estou quase terminando de ler todas as participações, chego à conclusão que não falei nem metade da minha juventude. Também planejei meu casamento ao milimetro. Desenhei meu vestido de casamento que era um 2 em 1. Retirada a saia e juntando uma jaqueta de outro tom, serviu de 2ºfato.

Quando minha filha foi batizada, transformei a saia do meu vestido de noiva em fato de batizado para ela. E muito mais tarde, o fato de batizado foi acrescentado e serviu de fato de princesa para um carnaval :)

Quanta reciclagem, não!?
Beijinhos e obrigada por me relembrar disso.
Façamos um brinde conjunto à juventude.
Rute

Elaine Figueira disse...

Rute, não nos conhecemos pessoalmente, assim como todas as pessoas que nos visitam, mas pelas palavras, e pela experiência que tenho de vida, essa época que vivemos agora será muito especial e inesquecível, assim como nossas vivências comentadas nas Blogagens Coletivas.

Estou me sentindo muito viva e participante ativa da minha vida, com trocas espetaculares.

Elaine

RUTE disse...

Que bom.
Fico imensamente feliz pelo sucesso da BCFV!
Mais um beijo,
Rute