Follow by Email

domingo, 7 de agosto de 2011

Blogagem Coletiva - Teia Ambiental - Água

Todo dia sete de cada mês este blog participa da blogagem coletiva, Teia Ambiental. Quer participar também? acesse http://www.publicarparapartilhar.blogspot.com/. É uma delicia, a troca de ideias, coisas que aprendemos de montão. Então vamos lá. Partilhe também.

Estava lavando meus  cabelos e utilizei um condicionador novo, de uma empresa que diz ser sustentável. Então, ao tirar o produto dos cabelos, tive que utilizar tanta água do chuveiro, mas tanta água, que resolvi falar dela hoje, por culpa, uma vez que bilhões de pessoas não tem acesso a água potável, o que influenciará em seu desenvolvimento, físico e mental (crianças) maus tratos (crianças, pessoas e os animais que as acompanham e que servem de alimento). A fonte é de um professor graduado em geografia, Eduardo de Freitas, e também do site www.brasilescola.com/geografia/agua-potavel.htm.

Escolhi esse tema porque tenho percebido há tempos que todos os produtos que utilizo para lavar os cabelos são muito difíceis de serem retirados, exaguados, fazendo com que sejam utilizados vários litros de água. Considero também, absurdo uma vez que meus cabelos são finos e lisos e os produtos são específicos, ou seja, não é necessário tanta quimica. Isso se aplica a todos os produtos, sejam máscaras, xampus, condicionadores. E por que não falar sobre essa dificuldade no cabelereiro. Tenho procurado um salão mais sustentável, porque o que vejo é que a sustentabilidade não chegou para essa prestação de serviços.

Além disso, como diz na fonte que pesquisei, " a água potável, ou mesmo água doce disponível na natureza, é bastante restrita, cerca de 97,61% da água total do planeta é proveniente das águas dos oceanos; calotas polares e geleiras representam 2,08%, água subterrânea 0,29%, água doce de lagos, 0,009%, água salgada de lagos 0,008%, água misturada no solo 0,005%, rios 0,00009% e vapor d'água na atmosfera 0,0009%.

Diante desse percentuais, apenas 2,4% da água é doce, porem somente 0,02% está disponível em lagos e rios que abastecem as cidades e pode ser consumida. Desse restrito percentual, uma grande parcela encontra-se poluída, diminuindo ainda mais as reservas disponíveis"

Continuando..."Nessa perspectiva, a ONU divulgou uma nota com uma previsão de que até 2050, aproximadamente 45% da população não terá a quantidade mínima de água". Não é horrível? Saber que temos acesso abrindo nossas torneiras, deixando jorrar a vontade (?!)

Diz ainda que: "a poluição é um dos maiores problemas da água potável, uma vez que diariamente os mananciais do mundo recebem dois milhões de toneladas de diversos tipos de resíduos" Aí estou eu, com meu condicionador de cabelos que nunca mais vou usar, pois não quero fazer parte disso. Já não jogo há anos, o óleo de cozinha, já utilizo produtos de limpeza biodegradáveis, não ser um xampu que irá me fazer poluir sem querer.

E quem mais sofre e sofrerá com isso tudo? Vejam..." No mundo subdesenvolvido, cerca de 50% da população consome água poluída: em todo o planeta pelos menos 2,2 milhões de pessoas morrem em decorrência de água contaminada e sem tratamento. Segundo estimativas, existem atualmente cerca de 1,1 bilhão de pessoas que praticamente não tem acesso à água potável, bem comum a todo ser humano".

E para terminar: "Nessa questão, quem mais sofre tais reflexos são as camadas excluídas que vivem em países subdesenvolvidos ou em desenvolvimento".

Concluindo...  Então economizar água por que? Porque temos um dever  ético com o planeta e com todos que nele habitam. Porque não é justo que deixemos nossas torneiras abertas sem necessidade, sabendo que há tanta gente no planeta sem acesso a esse bem que pertecem a todos.

Vamos agora à receita que meu filho preparou: com tomates orgânicos, massa fresca e muito sabor.

Macarrão ao sugo: 3 tomates sem pele picados, 1/2 cebola picada, refogados em 1/2 xícara de azeite de oliva extra virgem. Acrescente folhas de manjericão e tomilho fresco à gosto, sal em 500 g de macarrão talharini fresco. Coloque um enfeite simples, bom apetite e bom domingo!

foto Lar Encantado

14 comentários:

Flora Maria disse...

Oi, Elaíne:
Parabéns por sua preocupação com o tão precioso líquido que é a abençoada água !

Creio que se cada um fizer um pouquinho, chegaremos ao ponto certo.

Eu tenho várias atitudes, que fui desenvolvendo ao longo dos anos, e que ajudam nesse processo. Por exemplo:
- só uso shampoo, pois meu cabelo é liso e acho que não precisa de mais nada.
- quando o shampoo é muito grosso, misturo água no frasco, e assim ele rende mais e gasta menos água para enxaguar.
- não uso detergente, só sabão em pedra, e para tirar a gordura, água quente.
Etc.,Etc.,Etc.,
Veja aqui a postagem que fiz sobre o tema:
http://floradaserra.blogspot.com/search/label/TEIA%20%20%20AMBIENTAL?updated-max=2011-05-07T16%3A01%3A00-03%3A00&max-results=20

Já coloquei seu link na minha postagem e irei colocando os outros que surgirem ao longo do dia.

Beijo

Orvalho do Céu disse...

Olá, querida
Comi ainda há pouco uma macarronada parecida com essa... que coincidência!!!
O desperdício da água, que também falei no mês passado... é relevante nos dias atuais... a gente não pode viver amedrontado (sim, com esperança de dias melhores) mas que é fato é...
Bjs de paz e ecológicos

RUTE disse...

Querida Eliane,
tem hora que parece que a gente dá em doido quando começa a perceber que tudo o que se faz tem um impacto, não é!?

Poupa-se o ambiente por um lado, mas depois desperdiça-se por outro...um reboliço nos pensamentos mesmo!

Há alguns truques que se podem usar: existem uns redutores de caudal que injectam ar em cada particula de água, tornando a água mais volumosa mas contendo menor quantidade de água por minuto. Assim como existem uns chuveiros que apertam a água de forma a que ela saia num jacto forte. Desse modo, a água tem maior poder de limpar os cabelos pois estará empurrando o xampu para fora.

Há ainda a hipotese de diluir seu xampu ou condicionador antes de aplicar no cabelo.

Bom, mas xampus à parte, a água é, de fato, um bem precioso e que poderá ser finito, portanto...há que estimar.
Gostei muito do seu post.
Beijinhos,
Rute

Josy disse...

Olá Eliane, gostei muito da sua participação do Tema Ambiental, muito interessante e valioso. Se cada um fizer a sua parte e cada um poupar a sua quantia, teremos água para o nosso uso por muito tempo ainda. O importante é a conscientização do quanto esse elemento é importante para nossa vida e que sem ele não podemos fazer nada. Gostei muito querida. Essa massinha ao sugo, viria bem a calhar agora rsrs. Aqui em casa apreciamos muito massas...bjos uma ótima semana

Denise disse...

Esse é um tema importantíssimo. Além do q vc aponta, ainda, como atitude, podemos reutilizar a água usada em algumas coisas. Ex: reutilizar a água da máquina de lavar roupas para lavar o quintal. Hoje tb se prega a confecção de reservatórios para o reaproveitamento da água das chuvas. Penso q ainda cresceremos bastante nesse tema. Muita paz!

Strega Mamma disse...

A cada dia 7 me lembro dest postagem coletiva , mas nunca consigo participar...acho que este tempo ainda não chegou, e não devo forçar...Ando muito envolvia com os familiares adoecido, e eu mesma tive um tremenda pneumonia, e não ando lá 100%...Mas sinto saudades de visitar os amigos e o tempo que consigo nem sempre é o melhor...são 3 e 26 da madrugada e ainda não fui me deitar.
Adoro o seu blog e sempre que posso venho me deliciar ( ai as comidinhas...) por aqui...Um grande e carinhoso bj a você e muitas bênçãos Dela, sempre !
Liz

Gilberto Gonçalves disse...

Aqui estou a visitar o teu blog, Elaine.
Convite feito, convite atendido.
Muito simpático este teu recanto encantado. Simpatizo muito com as bruxas, desde que descobri que havia gerado uma bruxinha.
O teu tema na Teia deste mês é um daqueles que está inserido no futuro do planeta, pois sem água para beber, não dá para sobreviver.
O pior deste drama que vive a humanidade é que o volume de água no planeta é o mesmo, desde o início dos tempos. No momento, não há menos água do que havia nos tempos remotos, porém a cada ano diminui o volume de água potável, aquela que mata a nossa sede.
O nosso problema com a água é que poluímos os nossos mananciais e desviamos os cursos de nossos rios. Com isso, criamos desertos e transformamos nossos recursos hídricos em instrumentos para o enriquecimento dos ricos.
Irrigações absurdas, consumo sem freios para alimentar as indústrias, os agronegócios e a pecuária.
Enquanto isso, as crianças morrem secas na África e em parte da Ásia, pois nesses locais a água tem preço, e o povo não posssui recursos para comprar as charmosas garrafinhas que parecem resolver o problema da nossa sede. E aí surge mais um probleminha, a maior parte das marcas não são confiáveis, pois escondem contaminações, desde a fonte até a indústria de envasamento.
E tem mais, mas deixa pra lá!
O que importa é que pessoas existem preocupadas com a água que está faltando nas torneiras dos outros. Isto é muito nobre.
Parabéns, Elaine!
Um abraço ecológico.
Gilberto.

remall disse...

Elaine a agua já é o grande tesouro do futuro.
Pelos lados da roça tenho conquistado bastante "inimigos" tentando salvar e preservar esse bem tão precioso.
Fica difícil colocar na cabeça dessas pessoas que precisam fazer uma fossa ecologica, que não devem plantar eucaliptos, que não devem desmatar e muito menos nas beiradas dos rios e corregos, que os brejos são essenciais para a preservação das aguas.
mas como toda virginiana e meio bruxinha, sou teimosa demais e não me canso de brigar, falar, ligar para a florestal, denunciar.
Esse é o meu caminho, o meu destino,o meu prazer.
Quanto ao Salsicha, obrigada pelo carinho, pena que Ele foi um cão que apanhou, passou fome e sofreu muito, pois quando o adotei eles iam mata-lo, estava fraco e nem conseguia comer direito.
Mas depois que foi ficar comigo teve dias de rei, alias teve 11 anos de reinado e deixou uma dor,um vazio e uma imensa saudade.

RENATA RZ disse...

Oi Elaine!
Fico muito feliz em ver mais gente na Teia Ambiental. Adorei o seu tema, a Agua.
E o macarrão e as outras receitas de seu site, que apetitosos!

Pena não ter te conhecido antes.. agora sempre que puder, passarei por aqui.
beijinhos green

Zininha disse...

Ah...que bom conhecer seu cantinho...

também me preocupo com tudo isso...

Muito bom saber das suas idéias... adorei te conhecer...

quanto ao macarrão... adoooooooro fazer massa em casa...

dia dos pais pretendo fazer uma massa verde... o molho, faço vários, pois os filhos e o marido, tem gostos diferentes... e gosto de agradar a todos...

fica uma delícia... o da foto está uma tentação hein???

beijos...

" ESSÊNCIA ESTELAR MAYA " disse...

Elaine querida,

Parabéns pelo importante ALERTA quanto a este precioso líquido que existe em nosso planeta.
Nosso verdadeiro "OURO"!
Veja quantos privilégios temos, saindo uma água limpinha e pura de nossas torneiras....coisa que pelo que parece, lá em 2050 não será assim (pelo que a ONU divulgou).
O que é mais triste, é a quantidade de pessoas que não tem acesso a água potável.
Já assisti reportagens que me deixaram impressionada, além da falta de água para beber, cozinhar, etc....a completa falta de infra estrutura da rede de esgoto.
Muitas pessoas estão doentes pelo nosso Brasil, devido ao consumo de água poluída e falta de saneamento básico....um verdadeiro caos, que infelizmente não é tão divulgado, sendo desviada a atenção por tantos eventos (futebol, carnaval, etc....).

Parabéns amiga, sua mensagem é um importante Alerta!

Um grande beijo em seu coração!!!

Elaine Figueira disse...

Olá visitantes queridos,

Como a água mexe com nossas emoções não é? O fato de mexermos com ela, mesmo em palavras, nos emociona, nos questiona e faz com que repensemos nossas atitudes com relação a essa liquido tão precioso. Obrigada pelos comentários.

Bençãos de abundância, fluidez, a todos,

Elaine

Elaine

Lina disse...

Olá, Elaine!A água é o nosso bem mais precioso e aquele que mais desperdiçamos...e poluímos. Eu agora descobri um shampoo biodegradável que por coincidência até é bom para o meu cabelo e condicionador não uso de enxaguar, uso em creme, só nas pontas, depois do cabelo lavado, que não é preciso enxaguar. Além das regras clássicas que pratico: ensaboar-me com o chuveiro desligado, lavar a roupa com a máquina cheia, entre outras.
Gostei muito do macarrão, tem um aspecto delicioso, parabéns ao seu filho!
Beijinhos verdes

Bel Rech disse...

Dá um temor...essa questão da água.Eu me preocupo muito com o gasto excessivo.Cuido para não gastar,mas quando olho para o vizinho fico indignada, pois não está nem aí e não basta falar, pois nesta hora falamos grego...
Infelizmente vai acontecer e teremos que arcar...
paz e bem